Contatos

twitter: @LabSisUFRN; telefone: 84 3215-3796;
facebook: LabSis Ufrn

sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Novo tremor na cadeia meso-oceânica em 28/08/2013

    No dia 28/08, às 03:17 UTC ocorreu um tremor de magnitude 4.8 na cordilheira meso-oceânica. O epicentro do evento está localizado a aproximadamente a 1.210 km ao N de Parnaíba-PI,  a 1.280 km ao N de Fortaleza, a 1280 km a NNE de São Luís e a 1.330 km do arquipélago de São Pedro e São Paulo. 
    O mapa de localização epicentral está na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro do tremor é representado pela estrela vermelha. O triângulo vermelho representa a localização da estação de Riachuelo (RCBR).
    O registro desse evento na estação RCBR é mostrado na Figura 2.

Figura 2. Registro do evento na estação RCBR.
Fonte: LabSis/UFRN; USGS
Joaquim Ferreira

Novo ciclo de seminários do LabSis/UFRN

    O Laboratório Sismológico da UFRN (LabSis/UFRN) vai iniciar, no dia 04/09 às 16:30 no auditório do Departamento de Geofísica (módulo REUNI), um novo ciclo de seminários sob a coordenação do Dr. Jordi Julià. O primeiro seminário será apresentado por Heleno Lima Neto que recentemente concluiu seu doutorado.
Título: “Sismicidade no Lineamento Pernambuco e seu entorno”
Resumo:
    Neste seminário serão apresentados e discutidos os resultados do estudo de diversas áreas sísmicas relacionadas com o Lineamento Pernambuco e seu entorno com o objetivo de se ter uma visão regional da sismicidade e suas causas.  
    O Lineamento Pernambuco é uma zona de cisalhamento Neoproterozóica de escala continental que deformou a Província Borborema e que apresenta, como ramificações, zonas de cisalhamento com direção NE-SW. Foram observadas e estudadas atividades sísmicas sobre o lineamento (Caruaru 1991, Belo Jardim 2004 e São Caetano 2010), em zonas de cisalhamento ao norte do lineamento (Caruaru 2002 e São Caetano 2007) e ao sul do lineamento (Cupira, Agrestina e Lagoa dos Gatos, 2010).
    Os estudos realizados na região permitiram obter hipocentros e mecanismos focais confiáveis em quase todas as áreas sísmicas e, com isso, determinar a direção do esforço médio na região. A direção dos esforços na região envolvendo as diversas áreas sísmicas, é bastante estável e de direção aproximada EW (SHmax). 
    A correlação entre a sismicidade e feições geológicas é observada sobre o lineamento e ao norte do mesmo. Ao sul, em áreas sísmicas próximas a zonas de cisalhamento NE-SW, não há correlação e falhas sismogênicas normais de direção EW estão ativas e seu movimento é compatível com os esforços regionais. É provável que essas falhas ativas sejam mais recentes que o Neoproterozóico, provavelmente do período Cretáceo, época do último grande movimento do Lineamento Pernambuco quando da formação da Bacia de Jatobá.

Figura 1. Atividade Sísmica em São Caetano em 2007 (círculos amarelos) e 2010 (círculos azuis). As bolas de praia indicam os mecanismos focais de Caruaru 1991 (Ferreira et al. 1998),  Caruaru 2002 (Ferreira et al. 2008) e Belo Jardim 2004 (Lopes et al. 2010).
Fonte: LabSis/UFRN
Heleno Lima Neto, Jordi Julià, Joaquim Ferreira

Referências:
FERREIRA, J.M. et al.,  1998. Superposition of local and regional stress in northeast Brazil: evidence from focal mechanism around the Potiguar marginal basin. Geophysical Journal International 134, 341-355.
FERREIRA, J.M. et al., 2008. The role of Precambrian mylonitic belts and present-day stress Field in the coseismic reactivation of the Pernambuco Lineament, Brazil. Tectonophysics 456, 111-126.
LIMA NETO, H.C. et al., 2013a. "Upper crustal earthquake swarms in São Caetano: reactivation of the Pernambuco shear zone and trending branches in intraplate Brazil". In Press, Accepted Manuscript, Available online 15 August 2013. Tectonophysics. doi: 10.1016/j.tecto.2013.08.001
LIMA NETO H.C. et al., 2013b. " Earthquake swarms in the southern block of the Pernambuco Lineament, Ne Brazil: stress field and seismotectonic implications". submitted to Tectonophysics.
LIMA NETO H.C. 2013. Sismicidade e correlação com feições geológicas: o caso do Lineamento Pernambuco e seu entorno. Tese de Doutorado nº 36 PPGG/UFRN.
LOPES, A. E. V. et al., 2010. Intraplate earthquake swarm in Belo Jardim, NE Brazil: reactivation of a major Neoproterozoic shear zone (Pernambuco Lineament). Geophysical Journal International 180, 1303,1312.

quinta-feira, 22 de agosto de 2013

Novo tremor na cadeia meso-oceânica em 22/08/2013

    Hoje, 22/08, às 08:39 UTC ocorreu um tremor de magnitude 4.9 na cordilheira meso-oceânica. O epicentro do evento está a aproximadamente a 1.400 km a NNE de Caiena (Guiana) e a 1.970 km a N de Belém. 
    Nos últimos sete dias foram registrados 5 eventos de magnitude maior que 4.5 na cordilheira. Os epicentros dos eventos estão mostrados na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. Os epicentros dos sismos ocorridos nos últimos 7 dias são simbolizados por pequenos discos brancos e, no caso do evento de hoje, pelo disco laranja.
Fonte: LabSis/UFRN; USGS
Joaquim Ferreira

terça-feira, 20 de agosto de 2013

Novo tremor na cadeia meso-oceânica em 20/08/2013

    Hoje, 20/08, às 00:53 UTC ocorreu um tremor de magnitude 4.9 na cordilheira meso-oceânica. O epicentro do evento está a aproximadamente a 875 km a SW da ilha de Santa Helena, a 1.510 km ao sul da ilha de Ascenção, a 2.940 km a E de Vitória e a 3.250 km a E do Rio de Janeiro.
    O mapa de localização epicentral está na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro está simbolizado pela estrela vermelha.
Fonte: LabSis/UFRN; USGS
Joaquim Ferreira

segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Estação de Riachuelo registra sismo no Pará

    Depois de alguns dias o USGS divulgou a ocorrência de um sismo de magnitude 4.0 próximo a Redenção, no Pará. A estação de Riachuelo (RCBR) foi uma das estações utilizadas para a determinação do epicentro desse sismo.
    O evento ocorreu no dia 11/08 às 14:53 UTC (11:53 hora local) com o epicentro calculado, com erro estimado de 23 km, localizado a aproximadamente 29 km a SSW de Redenção, a 780 km a SSW de Belém e a 860 km a NNW de Brasília. Os parâmetros desse evento também foram determinados pela USP e UnB. Segundo a UnB, os moradores de Redenção e cidades vizinhas relataram que sentiram intensa vibração do solo.
    O mapa de localização epicentral está na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro está simbolizado pela estrela vermelha ao sul do Pará. O triângulo vermelho indica a localização da estação RCBR.
    O registro do evento em RCBR pode ser visto na Figura 2.

Figura 2. Registro do sismo de Redenção em RCBR.
Fonte: LabSis/UFRN; USGS
Joaquim Ferreira

domingo, 18 de agosto de 2013

Vários tremores na cordilheira meso-oceânica nos últimos dias

    Nos últimos sete dias ocorreram 4 tremores na cordilheira meso-oceânica todos de magnitude acima de 4.5. O último evento ocorreu hoje, 18/08, às 12:31 UTC e atingiu a magnitude 4.6. Esse evento ocorreu a aproximadamente 780 km a NW de São Pedro e São Paulo, a  1.147 km a N de Fernando de Noronha, 1.245 km a NNE de Fortaleza e 1.370 km ao N de Natal.
    O mapa de localização dos epicentros dos eventos está na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização de epicentros. Os epicentros são simbolizados pelos pequenos círculos coloridos. O evento de hoje está representado pelo círculo de cor laranja.
Fonte: LabSis/UFRN; USGS
Joaquim Ferreira

quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Defesa de tese de Heleno Lima Neto

   Na próxima sexta-feira, dia 16/08, às 08:30, no Laboratório de Geologia e Geofísica do Petróleo, haverá a defesa de tese de doutorado de Heleno Carlos de Lima Neto, sendo que o doutorando é aluno do Programa de Pós-graduação em Geodinâmica e Geofísica (PPGG).  A banca examinadora será formada pelos doutores Joaquim Mendes Ferreira (DGEF/UFRN, orientador), Jordi Julià Casas (DGEF/UFRN), David Lopes de Castro (DG/UFRN), Lucas Vieira Barros (OBSIS/UnB) e Marcelo Peres Rocha (IG/UnB).
    A tese tem por título "Sismicidade e correlação com feições geológicas: o caso do Lineamento Pernambuco e seu entorno". Nela é discutida a sismicidade no Lineamento Pernambuco (LPe) e seu entorno,  em que são apresentados novos dados, obtida a direção do tensor de esforços para a região, e discutido o problema da correlação entre a sismicidade e feições geológicas mapeadas na região. Antes desta tese era ponto pacífico que toda a sismicidade no LPe e seu entorno estava certamente correlacionada com  a geologia mapeada da região. Novos dados vieram mostrar que isso não é verdade  ao sul do LPe (Cupira, Agrestina e Lagoa dos Gatos) numa área que possivelmente foi afetada pela movimentação do LPe no período Cretáceo, quando da formação da bacia do Jatobá. 

Figura 1. Mecanismos focais ao longo do Lineamento Pernambuco e seu entorno.
Fonte: LabSis/UFRN, PPGG
Joaquim Ferreira

sexta-feira, 9 de agosto de 2013

Novo tremor na cadeia meso-oceânica em 09/08/2013

    Hoje, 09/08, às 01:26 UTC ocorreu um tremor de magnitude 4.8 na cordilheira meso-oceânica. O epicentro do evento está a aproximadamente a 310 km a NW de São Pedro e São Paulo, a 760 km a NNE de Fernando de Noronha e a 1.060 km a NNE de Natal. Esse evento ocorreu dentro do limite de 200 milhas (aproximadamente 370 km) da ZEE - Zona Econômica Exclusiva.
    O mapa de localização epicentral está na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro está simbolizado pela estrela vermelha. O triângulo vermelho indica a localização da estação de Riachuelo (RCBR).
    O registro desse evento na estação de RCBR é mostrado na Figura 2.

Figura 2. Sismograma de 24 horas da estação RCBR. O registro do evento está dentro do retângulo vermelho.
Fonte: LabSis/UFRN; USGS
Joaquim Ferreira

segunda-feira, 5 de agosto de 2013

Novo tremor em Pedra Preta-RN em 05/08/2013

    Hoje, 05/08, ocorreu um novo tremor na região de Pedra Preta. O evento ocorreu às 13:01 UTC (10:01 hora local) e teve magnitude 2.4.
    O mapa de localização epicentral é mostrado na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro é representado pela estrela vermelha. O triângulo vermelho indica a estação de Riachuelo (RCBR). O triângulo azul indica a estação ACCP (Cabeço Preto). Em destaque, o limite do município de Pedra Preta.
    O registro desse evento pela estação RCBR está na Figura 2.

Figura 2. Registro do evento em RCBR.
    A atividade sísmica em Pedra Preta vem ocorrendo de forma praticamente contínua desde dezembro de 2010, com períodos de maior e menor intensidade. Não é possível prever como essa atividade irá evoluir.

Fonte: LabSis/UFRN; RSISNE; INCT-ET, USGS
Joaquim Ferreira

Novo tremor na cadeia meso-oceânica em 04/08/2013

     Ontem, 04/08, às 01:28 UTC ocorreu um tremor de magnitude 5.4 na cordilheira meso-oceânica. O epicentro do evento está a aproximadamente 1.350 km a S da ilha de Tristão da Cunha e4.140 km a ESE de Porto Alegre.
    O mapa de localização epicentral está na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro é representado pela estrela vermelha.
Fonte: LabSis/UFRN; USGS
Joaquim Ferreira

sexta-feira, 2 de agosto de 2013

Conferência sobre terremotos no Nordeste realizada na SBPC em Recife


A 65ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) ocorreu de 21 a 26 de julho de 2013, no campus da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), em Recife, PE, com o tema "Ciência para o Novo Brasil".  A Reunião Anual da SBPC é realizada desde 1948, com a participação de representantes de sociedades científicas, autoridades e gestores do sistema nacional de ciência e tecnologia, sendo um importante fórum para a difusão dos avanços da ciência nas diversas áreas do conhecimento e um fórum de debates de políticas públicas para a ciência e tecnologia. Dentro da programação científica aconteceu, na sexta-feira 26, a Conferência “TERREMOTOS NO NORDESTE DO BRASIL: SEUS EFEITOS E ESTUDO DE SUAS CAUSAS” que foi proferida pelo Professor Joaquim Mendes Ferreira (UFRN).
Abaixo, seguem abaixo links para matérias publicadas no Jornal da Ciência(SBPC) e no portal G1.

1.    A cidade tremeu, balançou

Mais de 20 anos após um dos piores episódios de terremotos ocorridos no Nordeste, a terra na região segue sacudindo. Mas o país ainda está despreparado para incidentes similares, apesar dos avanços no conhecimento da geologia e geofísica locais.

2.    Para pesquisador da UFRN, Brasil não está preparado para terremotos

Joaquim Ferreira lembra que há locais em que tremores são frequentes.
Professor afirma ainda que é preciso colocar informação nos livros didáticos


Fonte: LabSis/UFRN
Regina Spinelli

quinta-feira, 1 de agosto de 2013

Explosão assusta população da localidade de KM20, Senador Pompeu-CE, em 30/07/2013

    Fomos avisados pelo técnico Francisco das Chagas Brandão, da Defesa Civil do Ceará, de que um forte evento tinha ocorrido entre Pedra Branca e Senador Pompeu no dia 30/07 próximo às 17:00, hora local. Novas informações obtidas por Brandão, de Senador Pompeu, levaram à conclusão de que o que tinha ocorrido tinha sido uma forte explosão numa pedreira de região.
    O tremor foi sentido com maior intensidade na localidade de KM20, pertencente a Senador Pompeu, próximo da BR226 entre Senador Pompeu e Pedra Branca. Nessa localidade, houve forte vibração do chão, de portas, janelas, pratos e de garrafas em mercearia; o tremor durou cerca de 3 s; as pessoas fugiram para fora das casas. As informações foram obtidas pelo radialista Edilton Ferreira que entrevistou um morador da região e a narrativa, na íntegra, pode ser escutada em http://www.youtube.com/watch?v=4Z8LLvzqYtY
    Esse evento foi registrado por diversas estações sismográficas em operação na região. A estação mais próxima do epicentro é a estação de Pedra Branca (NBPB) a que ainda não temos acesso remoto. Pela análise dos registros concluímos que o evento ocorreu às 19:46 UTC (16:46 hora local).
    O mapa de localização de KM20 encontra-se na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização.  KM20 fica a cerca de 5 km da estação de Pedra Branca (NBPB), simbolizada pelo triângulo vermelho.
    O registro do evento na estação de Pau dos Ferros (PFBR) pode ser visto na Figura 2.

Figura 2. Registro do evento em PFBR.
Fonte: LabSis/UFRN; RSISNE; INCT-ET
Joaquim Ferreira, Eduardo Menezes, Regina Spinelli, Suélio Carolino