Contatos

twitter: @LabSisUFRN; telefone: 84 3215-3796;
facebook: LabSis Ufrn

quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Intensa atividade sísmica em Pedra Preta-RN em 31/10/2013

    Hoje à noite entre as 23:00 e 24:00 UTC (20:00 e 21:00, hora local) ocorreu uma intensa atividade sísmica em Pedra Preta e que ainda está em processo de desenvolvimento. Pelo menos 7 eventos de magnitude acima de 2.0 ocorreram nesse período.
    Face à atual situação é aconselhável as pessoas de Pedra Preta ficarem fora de suas residências pois a ocorrência de um tremor de maior magnitude não está descartada.
    A atividade sísmica pode ser vista no diagrama da estação de Riachuelo (RCBR, Figura 1) que mostra os eventos locais reconhecidos como tal pela estação.

Figura 1. Eventos detectados como tal pela estação RCBR.
Fonte: LabSis/UFRN; RSISNE; INCT-ET, USGS
Joaquim Ferreira,  Eduardo Menezes, Aderson do Nascimento

Tremor na Bahia em 28/10/2013

    Recebemos ligação telefônica nos informando da ocorrência de um tremor de terra na Bahia no dia 28/10 e pedindo para verificar se esse evento ocorreu mesmo. As informações que nos foram repassadas diziam que o evento ocorreu às 10:15 (hora local) e foi sentido em Cansanção e Monte Santo e em vários povoados desses municípios. Em Cansanção foi sentido um enorme estrondo seguido de um leve tremor .
    Informações adicionais sobre esse evento podem ser obtidas em Bahia Notícias e Portal de Notícias. Os horários dos eventos não coincidem em ambas as fontes pois, na segunda, o evento teria ocorrido às 08:00 (hora local). Também são levantadas várias hipóteses sobre a causa do tremor tais como sísmica, explosão em pedreira, queda de meteorito e/ou objeto espacial.
    O LabSis tem uma estação sismográfica permanente da rede RSISNE instalada na região (Figura 1) em Ponto Novo (NBPN) e que dista aproximadamente 80 km de Cansanção e 105 km de Monte Santo. Infelizmente essa estação ainda não se encontra ligada por link de internet ao laboratório e, portanto, ainda não foi possível obter o registro desse evento.

Figura 1. Mapa de localização da estação NBPN.
Fonte: LabSis/UFRN
Joaquim Ferreira,  Suélio Carolino, Eduardo Menezes, Rodrigo Pessoa, Regina Spinelli

Novos tremores em Pedra Preta-RN


     Dois novos tremores ocorreram em Pedra Preta. O primeiro evento ocorreu às 01:59 UTC do dia 31/10 (22:59 hora local em 30/10) com magnitude 2.2, e o segundo ocorreu em 31/10 às 09:52 UTC (06:52 hora local) também com magnitude 2.2
   O registro do primeiro evento na estação NBPA em Paraú-RN está na Figura 1 e o  registro do segundo, na mesma estação, está na Figura 2.

Figura 1. Registro do primeiro evento em NBPA.
Figura 2. Registro do segundo evento em NBPA.

Fonte: LabSis/UFRN; RSISNE; INCT-ET, USGS
Regina Spinelli, Suélio Carolino, Eduardo Menezes, Joaquim Ferreira

quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Novo tremor em Pedra Preta-RN em 30/10/2013


    Hoje,30/10, às 17:59 UTC (14:59 hora local) ocorreu um novo tremor em Pedra Preta. A magnitude do evento foi de 2.2.
   Esse evento foi o primeiro evento de magnitude acima de 2.0 a ser registrado em tempo real pela estação ACCP (Cabeço Preto). A localização do epicentro e das estações RCBR (Riachuelo) e ACCP está na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro está representado pela estrela vermelha. Os triângulos representam as estações RCBR (em vermelho) e ACCP (azul).
    O registro do evento na estação ACCP está na Figura 2.

Figura 2. Registro do evento na estação ACCP.

Fonte: LabSis/UFRN; RSISNE; INCT-ET, USGS
Joaquim Ferreira,  Eduardo Menezes, Suélio Carolino, Regina Spinelli

Estação de Pedra Preta com link de internet

    Hoje, dia 30/10, pela manhã, uma equipe do LabSis constituída pelo coordenador Aderson do Nascimento, pelo sismólogo Joaquim Ferreira e pelo técnico Eduardo Menezes esteve em Pedra Preta. Durante a visita a equipe entrou em contato com a prefeitura local, conversou com alguns moradores da região, além de dar entrevistas para diversos meios de comunicação.
    Uma atividade importante realizada durante a visita foi a instalação do link de internet entre a estação instalada na região de Pedra Preta (ACCP, Cabeço Preto). Essa estação está localizada a aproximadamente 5 km da área epicentral. Dessa forma, agora é possível acompanhar, no laboratório, a atividade sísmica em Pedra Preta, em tempo real. Um exemplo dessa nova realidade pode ser mostrado na Figura 1.

Figura 1. Exemplo de registro em tempo real na estação ACCP de evento (microtremor) ocorrido às 19:22 UTC (16:22 hora local).
Fonte: LabSis/UFRN; RSISNE; INCT-ET
Joaquim Ferreira,  Eduardo Menezes, Aderson do Nascimento 

Repercussão da atividade sismica recente em Pedra Preta/RN

    Nos últimos dias, a região de Pedra Preta/RN vem sofrendo uma atividade sísmica intensa, conforme foi noticiado no blog em postagens anteriores. Tais eventos chamaram a atenção da mídia para a região e também fez uma equipe do LabSis/UFRN se deslocar para a cidade, a fim de instalar um link de internet na estação próxima ao epicentro (em Cabeço Preto), para que as informações da sismologia da região cheguem ao Laboratório em tempo real.
    A lista abaixo contém links de reportagens jornalísticas feitas com a equipe do LabSis, nos quais há orientações sobre como proceder em situações como a atual:

    Vídeos:

    Link 1

    Link 2

    Link 3

    Jornais:

    Link 1
 
    Link 2

Fonte: Joaquim Ferreira, Aderson Farias, Eduardo Menezes, Suélio Carolino, Rodrigo Pessoa.
 

terça-feira, 29 de outubro de 2013

Seminário LabSis de 30/10/2013

     Amanhã, 30/10, às 16:30 h, no auditório do Módulo REUNI do Departamento de Geofísica, acontece o oitavo seminário do ciclo do LabSis 2013. O palestrante será  Louis Tabosa, aluno do PPGG.

Título:  CARACTERIZAÇÃO PETROFÍSICA DA BACIA DO RIO DO PEIXE

Resumo:


      Neste trabalho são apresentadas as propriedades petrofísicas medidas em amostras de rochas da Bacia do Rio do Peixe, localizada no extremo oeste do estado da Paraíba. As propriedades analisadas são a porosidade, a densidade de grãos e as velocidades das ondas elásticas. As amostras de rocha foram coletadas em campo, os plugues foram preparados e descritos em laboratório e submetidos aos ensaios sob temperatura ambiente e pressões confinantes efetivas de até 40 MPa. Foram, também, determinados os Fatores de Qualidade para o conjunto de 72 amostras, utilizando dois métodos distintos (razão espectral e shift de frequencia). Os resultados obtidos indicam uma forte correlação entre as velocidades elásticas e a porosidade, bem como com a cimentação carbonática amplamente presente em muitas áreas da bacia.

Fonte: LabSis/UFRN
Louis Tabosa, Jordi Julià, Rodrigo Pessoa, Joaquim Ferreira

Novo tremor em Pedra Preta-RN em 29/10/2013

    Hoje, 29/10, às 15:17 UTC (12:17 hora local) ocorreu um novo tremor sentido pela população de Pedra Preta. A magnitude do evento foi de 3.2.
   O registro do evento na estação de Riachuelo está na Figura 1.

Figura 1. Registro diário da estação RCBR. O evento está em verde.
    A atividade sísmica em Pedra Preta vem se manifestando desde dezembro de 2010 com fases de alta e baixa atividade. A atual fase, de alta atividade, teve início no dia 24/10. Um levantamento feito a partir dos registros da estação RCBR, a aproximadamente 46 km do epicentro,  mostrou que já foram registrados 139 eventos desde então, sendo, em sua maioria, micro-tremores (não sentidos pela população).
    A fase atual é de intensa atividade sísmica. No entanto, é impossível saber como essa atividade vai evoluir.

Fonte: LabSis/UFRN; RSISNE; INCT-ET, USGS
Joaquim Ferreira,  Eduardo Menezes

Novos tremores de terra registrados neste fim de semana em Pedra Preta RN

Desde a ultima sexta feira o LABSIS -UFRN vem registrando  vários tremores de terra na região de Pedra Preta RN.
Os últimos dados coletados nesta manha as 08:40 h já contabilizam 114 tremores,sendo a maioria deles de baixa intensidade.
Fonte: Estacão sismográfica RCBR-Riachuelo RN.

sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Novo tremor na cadeia meso-oceânica em 24/10/2013

    Ontem, dia 24/10, às 22:38 UTC, ocorreu mais um tremor na cordilheira meso-oceânica, desta vez de magnitude 4.6. O epicentro do evento está localizado a aproximadamente 500 km a NW do arquipélago de São Pedro e São Paulo (e, portanto, fora da Zona Econômica Exclusiva, de 200 milhas),  895 km a N de Fernando de Noronha, 1.110 km a NE de Fortaleza e 1.150 km a NNE de Natal. 
    O epicentro desse evento está a NW do evento do dia 23/10.
    O mapa de localização epicentral está na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro é representado pela estrela vermelha. A estrela amarela indica o local do epicentro do evento do dia 23/10.
Fonte: LabSis/UFRN; USGS
Joaquim Ferreira

Novos tremores em Pedra Preta-RN em 24 e 25/10/2013

    Após o tremor do dia 23, de magnitude 3.0, outros tremores voltaram a ocorrer em Pedra Preta. Ontem à noite, dia 24, às 22:34 UTC (19:34 hora local) ocorreu um novo tremor de magnitude 3.0.
    Hoje, dia 25, pela manhã, ocorreram dois novos tremores ambos de magnitude acima de 3.0. O primeiro evento, de magnitude 3.7, ocorreu às 11:09 UTC (08:09 hora local) e foi sentido em Natal. Esse evento foi seguido por outro, de magnitude 3.3, às 11:12 UTC (08:12 hora local). Esses eventos foram fortemente sentidos em Pedra Preta.
    O mapa de localização epicentral é mostrado na Figura 1. O epicentro embora esteja no município de Pedra Preta dista aproximadamente 11 km de Jandaíra, 14 km de Pedra Preta, 30 km de João Câmara e 100 km de Natal.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro é representado pela estrela vermelha. O triângulo vermelho indica a estação de Riachuelo (RCBR). O triângulo azul indica a estação ACCP (Cabeço Preto).
    O registro desses eventos pela estação RCBR é mostrado na Figura 2.

Figura 2. Registro dos eventos por RCBR.
Fonte: LabSis/UFRN; RSISNE; INCT-ET, USGS
Joaquim Ferreira,  Regina Spinelli, Suélio Carolino, Eduardo Menezes, Rodrigo Pessoa

quinta-feira, 24 de outubro de 2013

Novo tremor na região de Sobral-CE em 24/10/2013

    Hoje, 24/10, fomos informados pela Defesa Civil de Sobral-CE, de que um tremor de terra tinha sido sentido na Serra da Meruoca. Analisando os dados da estação NBMO (Morrinhos-CE), da rede RSISNE, verificamos que um evento de fato ocorreu às 07:37 UTC (04:37, hora local). A magnitude preliminar foi estimada em 2.2.
    O mapa de localização epicentral é mostrado na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro está simbolizado pela estrela vermelha. Os triângulos vermelhos indicam as estações operando na região, Sobral (SBBR) e Morrinhos (NBMO).
    O registro do evento em NBMO está na Figura 2.

Figura 2. Registro do evento em NBMO.
Fonte: LabSis/UFRN; RSISNE; INCT-ET
Joaquim Ferreira,  Regina Spinelli, Suélio Carolino, Eduardo Menezes, Rodrigo Pessoa

Novo tremor em Pedra Preta-RN em 23/10/2013

    Ontem, dia 23, às 21:33 hora local  (00:33 UTC do dia 24/10), ocorreu um novo tremor em Pedra Preta desta vez de magnitude preliminar 3.0. A atividade sísmica em Pedra Preta vem ocorrendo desde dezembro de 2010 e, de vez em quando, ela é sentida pela população, como ocorreu no dia de ontem.
     O mapa de localização epicentral é mostrado na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro é representado pela estrela vermelha. O triângulo vermelho indica a estação de Riachuelo (RCBR). O triângulo azul indica a estação ACCP (Cabeço Preto). Em destaque, o limite do município de Pedra Preta.
    O registro desse evento pela estação RCBR é mostrado na Figura 2.

Figura 2. Registro do evento em RCBR.
Fonte: LabSis/UFRN; RSISNE; INCT-ET, USGS
Joaquim Ferreira,  Regina Spinelli, Suélio Carolino, Eduardo Menezes, Rodrigo Pessoa

Novo tremor na cadeia meso-oceânica em 23/10/2013

    Ontem, dia 23/10, às 21:01 UTC, ocorreu mais um tremor na cordilheira meso-oceânica, desta vez de magnitude 5.0. O epicentro do evento está localizado a aproximadamente 360 km a NW do arquipélago de São Pedro e São Paulo (dentro da Zona Econômica Exclusiva, de 200 milhas),  810 km a N de Fernando de Noronha, 1.050 km a NNE de Touros-RN, 1.100 km a NNE de Natal e a 1.120 km a NE Fortaleza. 
    O epicentro desse evento coincide praticamente com o do evento do dia 21/10 às 15:01.
    O mapa de localização epicentral está na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro é representado pela estrela vermelha.
Fonte: LabSis/UFRN; USGS
Joaquim Ferreira

Tremor em Sergipe em 23/10/2013

    Ontem, às 22:39UTC (19:39 hora local), ocorreu um tremor em Sergipe que foi sentido em diversos municípios do estado. Segundo informações de Rosa Vasconcelos, editora da TV Sergipe, o tremor foi sentido em Gracho Cardoso, Itabi, N. Sra. de Lurdes, Feira Nova e Gararu. As pessoas sentiram um barulho como um relâmpago seguido depois por um tremor.
    Com as informações disponíveis, o epicentro preliminar se encontra nas proximidades de Itabi. Esse evento foi registrado por algumas estações operadas pela UFRN e a magnitude preliminar foi estimada em 2.5. 
    O registro desse evento na estação PFBR (Pau dos Ferros-RN) é mostrado na Figura 1.

Figura 1. Registro do evento na estação PFBR.
Fonte: LabSis/UFRN; RSISNE; INCT-ET
Joaquim Ferreira,  Regina Spinelli, Eduardo Menezes, Suélio Carolino, Rodrigo Pessoa

segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Outro tremor na cadeia meso-oceânica em 21/10/2013

    Hoje, dia 21/10, ocorreu mais um tremor na cordilheira meso-oceânica, o segundo no dia de hoje. O novo evento ocorreu às 15:01 UTC e teve magnitude 4.8. O epicentro do evento está localizado a aproximadamente 360 km a NW do arquipélago de São Pedro e São Paulo (dentro da Zona Econômica Exclusiva, de 200 milhas),  815 km a N de Fernando de Noronha, 1.060 km a NNE de Touros-RN, 1.110 km a NNE de Natal e a 1.130 km a NE Fortaleza. 
    O mapa de localização epicentral está na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro é representado pela estrela vermelha.
Fonte: LabSis/UFRN; USGS
Joaquim Ferreira

Novo tremor na cadeia meso-oceânica em 21/10/2013

    Hoje, dia 21/10, às 13:50 UTC ocorreu um tremor de magnitude 5.1 na cordilheira meso-oceânica. O epicentro do evento está localizado a aproximadamente 279 km a SSE da ilha de Ascensão (no USGS foi colocado erroneamente Santa Helena), 2.240 km a SSE de Fernando de Noronha, 2.400 km a ESE de Recife, 2.480 km a ESE de Natal e a 2.780 km a E de Salvador. 
    O mapa de localização epicentral está na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro é representado pela estrela vermelha.
Fonte: LabSis/UFRN; USGS
Joaquim Ferreira

sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Novo tremor na cadeia meso-oceânica em 18/10/2013

    Hoje, dia 18/10, às 01:30 UTC ocorreu um tremor de magnitude 4.9 na cordilheira meso-oceânica. O epicentro do evento está localizado a aproximadamente 1.225 km a NNE de Camocim-CE, 1.280 km a N de Fortaleza, a 1.285 km a NW do arquipélago de São Pedro e São Paulo e a 1.320 km a NNE de São Luís. 
    O mapa de localização epicentral está na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro é representado pela estrela vermelha.
Fonte: LabSis/UFRN; USGS
Joaquim Ferreira

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Seminário LabSis de 16/10/2013

Hoje, às 16:30 h, no auditório do Módulo REUNI do Departamento de Geofísica, acontece o sétimo seminário do ciclo do LabSis 2013. O palestrante será  Paulo Henrique Oliveira, aluno do PPGG.

Título: SISMICIDADE NA REGIÃO NOROESTE DO CEARÁ E SUA RELAÇÃO COM O

LINEAMENTO TRANSBRASILIANO

Resumo
    A região noroeste do Ceará está inserida no Domínio Médio Coreaú (DMC), domínio geológico pertencente a Província Borborema. Além de sua importância geológica, estrutural e tectônica, essa região possui áreas importantes com atividade sísmica ativa. A sismicidade atual na região noroeste do Ceará está localizada,principalmente, nas proximidades das cidades de Sobral e Santana do Acaraú.
    Apesar das muitas áreas sísmicas que tem se manifestado nos últimos anos, descobertas através da análise dos dados sismológicos registrados na estação SBBR, instalada na região desde agosto de 2007, só foi possível instalar redes locais nas proximidades das cidades supracitadas.
    A sismicidade analisada aqui possui considerável proximidade ao Lineamento Transbrasiliano (LTB), o qual consiste numa gigantesca zona de cisalhamento que atravessa boa parte do Brasil, cortando a área de estudo. Sendo assim, quando da ocorrência de sismicidade no DMC, geralmente surgem especulações se a mesma é uma possível reativação dessa grande estrutura. Porém, o objetivo desse trabalho é mostrar que nem sempre é possível associar a ocorrência de sismicidade com uma possível atividade do LTB, diferentemente do que ocorre em algumas regiões localizadas nas proximidades do Lineamento Pernambuco.

Fonte: LabSis/UFRN
Paulo Henrique Oliveira, Jordi Julià, Rodrigo Pessoa, Joaquim Ferreira

sexta-feira, 11 de outubro de 2013

Novos tremores em Pedra Preta-RN em 11/10/2013

    Hoje, 11/10, ocorreram três tremores na região de Pedra Preta. O primeiro evento, de magnitude 2.4 ocorreu às 05:00 UTC (02:00 hora local), tendo sido sentido pela população. O segundo evento ocorreu às 05:04 UTC (02:04 hora local) e o terceiro ocorreu às 08:18 UTC (05:18 hora local).
    O mapa de localização epicentral é mostrado na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro é representado pela estrela vermelha. O triângulo vermelho indica a estação de Riachuelo (RCBR). O triângulo azul indica a estação ACCP (Cabeço Preto). Em destaque, o limite do município de Pedra Preta.
    Os  eventos foram registrados por várias das estações operadas pela UFRN das redes INCT-ET e RSISNE. O registro do maior evento, na estação RCBR, é mostrado na Figura 2.

Figura 2. Registro do evento de magnitude 2.4 em RCBR.
    A atividade sísmica em Pedra Preta vem ocorrendo desde dezembro de 2010 tendo sido identificadas duas áreas sísmicas, a primeira, ao norte, onde ocorreram os sismos de hoje, associada à falha sismogênica de Cabeço Preto, e a segunda, mais ao sul, próxima a Pedra Preta. Resumindo, a atividade sísmica na região de Pedra Preta vem ocorrendo desde 2010, em duas áreas sísmicas distintas, sendo impossível prever como será sua evolução futura.

Fonte: LabSis/UFRN; RSISNE; INCT-ET, USGS
Joaquim Ferreira,  Eduardo Menezes, Suélio Carolino, Heleno Lima Neto, Rodrigo Pessoa

quinta-feira, 10 de outubro de 2013

Novo tremor na cadeia meso-oceânica em 10/10/2013

    Hoje, dia 10/10, às 04:03 UTC ocorreu um tremor de magnitude 4.8 na cordilheira meso-oceânica. O epicentro do evento está localizado a aproximadamente 900 km a W da ilha de Santa Helena, 930 km ao S da ilha de Ascenção e a 2.670 km a E de Salvador. 
    O mapa de localização epicentral está na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro é representado pela estrela vermelha.
Fonte: LabSis/UFRN; USGS
Joaquim Ferreira

quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Seminário LabSis de 09/10/2013

    Hoje, às 16:30 h, no auditório do Módulo REUNI do Departamento de Geofísica, acontece o sexto seminário do ciclo do LabSis 2013. O palestrante será  Flodoaldo Simões, aluno do PPGG.

    Título: ESTUDO DO MANTO SUPERIOR SOB A PROVÍNCIA BORBOREMA COM TOMOGRAFIA SÍSMICA

    Resumo
    O estudo do manto superior da Terra é importante para a determinação dos  fenômenos de importância geológica. Propomos a elaboração de um estudo tomográfico do manto superior sob a Província Borborema.
    Dados de ondas P e S telessísmicas na Província serão analisados para a  construção de imagens do manto superior subjacente, as quais proporcionarão informações sobre as perturbações de velocidades sísmicas das rochas do manto, o que permitirá a identificação de estruturas anômalas na litosfera e astenosfera. 
    Nesse seminário serão abordados os objetivos e motivações do trabalho em questão.

Fonte: LabSis/UFRN
Flodoaldo Simões, Jordi Julià, Rodrigo Pessoa, Joaquim Ferreira

domingo, 6 de outubro de 2013

Novo tremor de terra no RN em 05/10/2013

    Ontem, dia 05/10, às 13:26 UTC (10:26, hora local), ocorreu um pequeno tremor no Rio Grande do Norte, registrado pela estação de Riachuelo (RCBR). A magnitude preliminar foi estimada em 1.5. O epicentro do evento foi localizado no município de São Tomé.
    O mapa de localização epicentral é mostrado na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro do sismo está simbolizado pela estrela vermelha. O triângulo vermelho indica a localização da estação de Riachuelo (RCBR). A área do município de São Tomé é mostrada em destaque.
    O registro desse evento na estação de Riachuelo é mostrado na Figura 2.

Figura 2. Registro do evento na estação RCBR.
Fonte: LabSis/UFRN; RSISNE; INCT-ET
Joaquim Ferreira, Eduardo Menezes

quarta-feira, 2 de outubro de 2013

Seminário LabSis de 02/10/2013

    Hoje, às 16:30 h, no auditório do Módulo REUNI do Departamento de Geofísica, acontece o quinto seminário do ciclo do LabSis 2013. O palestrante será  Daniel Évora, aluno do PPGG.

Título:  “ANÁLISE DOS MICROSSISMOS DA ESTAÇÃO DO ARQUIPÉLAGO DE SÃO PEDRO E SÃO PAULO (ASPSP) E SUAS RELAÇÕES COM VARIÁVEIS CLIMÁTICAS”

RESUMO:
    Neste trabalho realiza-se um estudo para se demonstrar a relação entre as variáveis limáticas/oceanográficas e os microssismos registrados no Arquipélago de São Pedro e São Paulo (ASPSP).
    Registros sísmicos de pequena intensidade, provocados por fenômenos naturais ou atividade humana podem ser registrados em qualquer lugar da Terra e são definidos como microssismos, ruído sísmico (ou ruído ambiente). O campo de ondas microssísmicas pode ser dividido em ruídos primários (período entre 10 e 25 s) e secundários (período entre 3 e 9 s) e são relacionadas a variáveis oceanográficas devido a mudanças atmosféricas.
    Situado na região equatorial do Oceano Atlântico, cerca de 1.000 km do litoral do Rio Grande do Norte, o Arquipélago de São Pedro e São Paulo (ASPSP) constitui um conjunto de pequenas ilhas rochosas que se erguem de uma profundidade de 4.000 metros, estando todas elas sujeitas a abalos sísmicos e a condições muito severas de mar e vento, sendo assim um dos lugares mais inóspitos do mundo.

Fonte: LabSis/UFRN
Daniel Évora, Jordi Julià, Rodrigo Pessoa, Joaquim Ferreira