Contatos

twitter: @LabSisUFRN; telefone: 84 3215-3796;
facebook: LabSis Ufrn

segunda-feira, 18 de junho de 2012

Tremor de terra na Barragem do Açu em 18/06/2012

    Hoje, às 02:51 UTC (dia 17 às 23:51, hora local) ocorreu um tremor de terra de magnitude preliminar estimada em 1.3. O epicentro foi localizado na Barragem do Açu, no município de São Rafael-RN. Esse evento deve ter sido registrado por várias estações e a análise dos dados foi feita utilizando-se os registros das estações de Riachuelo (RCBR; USGS/UFRN) e de Livramento-PB (NBLI; RSISNE - Petrobras/UFRN/FUNPEC).
    O mapa de localização epicentral é mostrado na Figura 1.


Figura 1. Mapa de localização epicentral. A estrela vermelha indica o epicentro. Os triângulos azuis as estações RCBR e NBLI. O triângulo vermelho indica a estação mais próxima do epicentro (NBPA) cujos dados ainda não tivemos acesso. Mapa elaborado por Hasan Shihadeh.
    Os registros do evento nas estações RCBR e NBLI são mostrados nas Figuras 2 e 3, respectivamente.

Figura 2. Registro do evento em RCBR.

Figura 3. Registro do evento em NBLI.
    A atividade sísmica na Barragem do Açu é um dos casos mais conhecidos de sismicidade induzida por reservatórios no Brasil tendo vários trabalhos, dissertações de mestrado e teses de doutorado abordando esse tema. A Figura 4 mostra a localização dos epicentros da atividade sísmica em seu auge entre 1987 e 1997.

Figura 4. Epicentros da atividade sísmica na Barragem do Açu obtidos nas diversas campanhas de estudo com redes sismográficas locais (Ferreira et al., 1995; do Nascimento et al., 2004).
    Embora não se tenha mais um monitoramento permanente da barragem, esse evento veio a ocorrer após um longo período em que não se registravam sismos nessa região. É possível que esse evento possa estar relacionado com novas áreas sísmicas na região, ativadas pela água no reservatório.

Fonte: LabSis/UFRN; USGS; RSISNE
Joaquim Ferreira, Hasan Shihadeh, Eduardo Menezes

Referências:
Ferreira, J. M. ; Oliveira, R. T. ; Assumpção, M. ; Moreira, J. A. M. ; Pearce, R. G. ; Takeya, M. K. . Correlation of seismicity and water level in the Açu Reservoir – an example from northeast Brazil.. Bulletin of the Seismological Society of America, v. 85, p. 1483-1489, 1995

do Nascimento, A. F. ; Cowie, P. A. ; Lunn, R. J. ; Pearce, R. G. . Spatio-temporal evolution of induced seismicity at Acu reservoir, NE Brazil. Geophysical Journal International, v. 158, n. 3, p. 1041-1052, 2004.

2 comentários:

  1. Cara Cláudia,

    à distância de mais de 100 km entre a estação de Riachuelo (RCBR) e o epicentro é impossível calcular a profundidade do sismo. Isso só é possível de fazer, com precisão, por meio de redes sismográficas locais, como foi feito no passado (1989-91, 1993-97, por exemplo).
    Levando-se em consideração os sismos que já ocorreram na região, e que tiveram a profundidade determinada, podemos estimar que profundidade não passe dos 5 km.

    Joaquim Ferreira

    ResponderExcluir