Contatos

twitter: @LabSisUFRN; telefone: 84 3215-3796;
facebook: LabSis Ufrn

quarta-feira, 21 de março de 2012

INCT-ET: estação de banda larga (BB) instalada em Gravatá.

    Conforme havíamos noticiado anteriormente no blog um dos objetivos dos técnicos Eduardo Menezes e Neymar da Costa, em sua atual viagem, seria a instalação de estações sismográficas de banda larga (BB), dentro do projeto do INCT de Estudos Tectônicos (INCT-ET).
    O objetivo da instalação dessas estações é duplo. Um deles é obter informações sobre a crosta terrestre ao longo da linha Chaval(CE)-Sirinhaém(PE) e o outro é ajudar a monitorar a atividade sísmica no Nordeste do Brasil. O equipamento a ser instalado pertence ao Pool de Equipamentos Geofísicos do Brasil (PegBr), com sede no Observatório Nacional, sendo que a compra deles foi financiada pela Rede de Geotectônica da Petrobras. 
    O mapa de localização da estação, de código LP07, é mostrado na Figura 1, abaixo. 

Figura 1. Mapa de localização da estação LP07 indicada pelo símbolo azul. Mapa elaborado por Heleno Lima Neto.
    Na Figura 2 é mostrada a estação propriamente dita. Um primeiro registro já foi obtido nessa estação (Figura 3).

Figura 2. Estação LP07. Em primeiro plano, a caixa de proteção do sensor. Ao fundo, a caixa de proteção do registrador. Foto de Eduardo Menezes.
Figura 3. Primeiro evento registrado pela estação de Gravatá (LP07). Trata-se de uma explosão em alguma pedreira da região. Figura elaborada por Eduardo Menezes.
    Nos próximos dias, novas estações desse tipo (BB) vão continuar a ser instaladas na Paraíba e Ceará.

Fonte: LabSis/UFRN; INCT-ET
Joaquim Ferreira, Eduardo Menezes, Neymar da Costa, Heleno Lima Neto, Rodrigo Pessoa

Nenhum comentário:

Postar um comentário